Como foi o processo do vestido de Clara, personagem de Bianca Bin em O Outro Lado Do Paraíso

A sensação de angústia diante do vestido rasgado é unânime. Já recebi vários telefonemas e mensagens de amigos pesarozíssimos com o momento de fúria de Gael, personagem de Sérgio Guizé ao rasgar o vestido lindo, delicado, feito em renda Chantilly toda aplicada a mão… de Clara, personagem de Bianca Bin.

A mim não foi tão impactante. Eu já sabia desde o início que seria assim. A Ellen Milet, figurinista da novela quando me procurou, já encomendou dois vestidos idênticos, pois um seria rasgado. Esse fato me interessou ainda mais para fazer o trabalho. Adoro novos desafios, emprestar minha arte para a ficção, participar de um obra como essa tão bonita, bem escrita, bem elaborada, feita por pessoas tão interessantes, criativas que eu admiro. Acho muito rico e desafiador exercitar minha criatividade com  trabalhos como esse. Simplesmente adoro! E sinceramente, gostei de ver a cena. Gostei de ver o talento daqueles atores em cena, o talento dessa equipe de figurino tão competente em ação! E gente,  é ficção!

Hoje, muitos sites, blogs e revistas estão perguntando como foi o processo de elaboração e confecção do vestido. Vou então compartilhar as fotos “secretas” que estavam guardadinhas no meu computador, só esperando o capítulo ir ao ar e contar um pouco de como foi!

O vestido foi uma construção em conjunto, partindo das referências da Ellen, junto com minha intuição criativa para compreender exatamente o que ela queria/precisava para compor o vestido de noiva daquela personagem.

Fizemos o vestido com técnica de moulage, onde modelamos o vestido no manequim e no corpo da atriz.

Os detalhes foram todos muito cuidados. A gola mais altinha, para combinar com a personagem de Bianca, uma menina simples do Tocantins. Não podíamos ter nada muito à mostra. Precisávamos de mangas compridas, colo e costas mais fechadinhos.

Escolhemos também a grinalda aqui do Atelier, que depois a equipe de figurino acabou desenvolvendo pela Globo mesmo, inspirada na nossa, porém um pouco mais extensa para cobrir a trança inteira da personagem.

Como tudo nesse Atelier deve ser feito com muita alegria e muito amor, a gente trabalha duro, mas coloca nossa alegria e bom humor em todos os trabalhos.

Agora mostro para vocês um pouquinho da parte de costura. Nossa equipe com as mãos na massa fazendo os dois vestidos ao mesmo tempo!!!

​E você, o que achou da cena e do vestido?

Deixe seu comentário!;)

Para agendar sua visita ao Atelier, ligue (21)2523-6896 ou (21) 98155-6067 Falar Com Gabi

Para deixar seu e-mail: carolnasseratelier@gmail.com

Nosso horário de atendimento é de segunda a sexta de 12:00 às 20:00

 

Anúncios

%d bloggers like this: