Casa Design

Suzana Nasser é minha irmã, e designer de interiores. Ela está na mostra Casa Design de Niterói assinando junto com Miriam Chactoura , Rici Flores e Fernanda Sixel, o espaço quarto da pré adolescente. Ficou uma fofura só!!! O ambiente além de lindinho e moderno, é muito funcional. Eu particularmente amei!!!

O Casa Design inaugurou nessa última quinta feira.
Fica aberto até 27 de outubro.
Maiores informações, acesse esse link
Quem quiser conferir, corre lá.

E parece que a corujice na família é recíproca, na inauguração Suzi desfilou sua elegância num look todo Carol Nasser. Camisa de renda e calça pantalona super estilosa. No dia que fui visitar não é que ela estava de Carol Nasser também: camiseta de sedinha coral e calça balneário preta. O meu look também é todo Carol Nasser, tirando o lenço, que foi herança da vovó.

20130917-160251.jpg

20130917-160307.jpg

Aqui no Atelier, nós procuramos estar sempre em contato com arte, e todas as suas variações! Frequentar arte, seja ela da forma que for, sempre inspira, refresca as idéias, traz o novo.

No Instituto Moreira Sales também visitei esse mês, duas exposições de fotógrafos muito interessantes, a do Hauro Ohara, um japonês que fotografou sua vida simples, e a de Jaques Henri Lartigue, que fez da sua vida de playboy um diário fotográfico com muita graça. Pena que ficou pouquinho tempo em cartaz. A boa notícia é que  a mostra de cinema começa hoje, já que ir ao Moreira Sales é sempre um bom programa. Tendo tempo para um café, o bolinho de laranja é um delicioso acompanhamento.

Para agendar sua visita ao Atelier, ligue para (21)2523-6896 e (21)8559-0888
Ou mande e-mail para: carolnasseratelier@gmail.com
Para curtir nossa página no Facebook, clique aqui
E no Instagram, procure por: Carol Nasser Atelier

Making of programa ‘Encontro com Fátima Bernardes’

Participei hoje do programa ‘Encontro com Fátima Bernardes’.

O tema foi: Que tal desacelerar? Fátima conversou com várias pessoas que mudaram suas vidas em busca de mais qualidade de vida. Eu sou uma delas, saí de um showroom em Sâo Paulo onde vendia minha marca para 32 lojas multimarcas pelo Brasil para montar meu atelier de vestidos sob medida. Trabalho com muito prazer e todo amor do mundo criando vestidos exclusivos.

20120910-144849.jpg

20120910-151503.jpg

20120910-151859.jpg

20120910-153533.jpg

Querida Iris e equipe, muito obrigada!!! A gravação foi muito divertida e o resultado ficou bem bacana.

Para assistir o vídeo, clique aqui

Visitas ao Atelier com hora marcada pelo e-mail: carolnasseratelier@gmail.com ou pelos telefones (21) 2227-4830 e (21) 8559-0888.

Para curtir nossa página no Facebook, clique aqui

Quem veste Carol Nasser

Um casamento, três modelitos Carol Nasser.

As três mocinhas elegantes são: Silvia Moreno, Carla Franco e Paula Grassini.

Visitas ao Atelier com hora marcada pelo e-mail: carolnasseratelier@gmail.com ou pelos telefones (21) 2227-4830    (21) 8559-0888.

Para curtir nossa página no Facebook, clique aqui

Noivas grávidas por Carol Nasser – Blog da CARAS

Para ler a matéria acesse o link: http://caras.uol.com.br/blog/caras-especiais/vestidos-de-noiva-para-gravidas-elegancia-caminho-do-altar#image0

Visitas ao Atelier com hora marcada.

Agende seu horário pelo e-mail: carolnasseratelier@gmail.com
Ou ligue (21) 2227-4830  –   (21) 8559-0888

Para curtir nossa página no Facebook, clique aqui

Revista de Domingo

Saiu na revista de domingo do Globo. A modelo Yasmin Jordão foi fotografada na rua, e ela vestia Carol Nasser. Vestido de crepe georgette com estampa abstrata.

Visitas ao Atelier com hora marcada pelos telefones (21)2227-4830 ou (21)8559-0888

E-mail: carolnasseratelier@gmail.com

Para curtir nossa página no Facebook, clique aqui

Anuário CARAS Noivas

O ensaio “Jardim do Éden” realizado Por Carolos Henrique Duarte para o Anuário de Noivas CARAS, tem vestido de noiva Carol Nasser feito em tafetá de seda, com mangas e decote em renda e aplicação de renda Mariscot francesa. Decote nas costas, com laço de fita de cetim de seda.

Foto de Daniel Malva

No Atelier, fizemos mais algumas fotos do vestido para você ver os detalhes.

Visitas com hora marcada pelos telefones (21)2227-4830 ou (21) 8559-0888

Ou mande seu e-mail para: carolnasseratelier@gmail.com

Para curtir nossa página no Facebook, clique aqui

Depoimento da noiva

Gente, esse é um depoimento sobre o processo de desenvolvimento do vestido de noiva da minha querida  Paula Grassini. O vestido foi feito em cetim de seda, tule de poá e fita de cetim de seda francesa, e eu só posso dizer que  ameeei fazer!!!

A escolha do vestido. (Por Paula Grassini)

Escolher com quem fazer meu vestido foi talvez a tarefa mais fácil de toda a empreitada a que se dispõe uma noiva no ano (às vezes ano e meio!) de preparativos do casamento. Sou cliente do Carol Nasser Atelier há tempos, me identifico com o estilo de criação da Carol (nos tornamos amigas por conta disso) e já desfilava modelitos dela pelos casamentos da vida. Daí a escolher o Atelier dela como responsável pelo vestido do meu grande dia, um pulo.

Mas que vestido fazer? Admito que, uma vez noiva, me vi encantada pelo mundo dos casamentos. Flores, decoração, cores, texturas, tendências, fotografia… desde que mergulhei na infinidade de blogs e sites sobre o assunto, passei a navegar com prazer e sem muitas dificuldades pelo imenso leque de opções que se abre a uma noiva bem informada. Agora… vestido ideal eu não tinha.

Queria algo simples e chique. Editado, mas charmosíssimo. Liiiiindo, mas sem pompa, calda ou renda.

Conselho da Carol:

– Vai salvando imagens de vestidos que te agradem, nem que seja um decote, um tecido, um laço.

Assim eu fiz. Pesquisei, pesquisei, salvei, salvei, mas nada que me fizesse bater o martelo. Até que num domingo, depois da transmissão de mais um Emmy (aquele prêmio da TV americana equivalente ao Oscar), me deparo com um vestido preto. Sim, pretinho.  Lindo e perfeito. Já sabia como queria casar.

Calma! O meu foi branco, tá? Rs.

Mas totalmente inspirado no pretinho da Penny (a foto tá aí embaixo). Aí reuni alguns outros modelos que não fossem de ombro só (porque sei que não me cai bem), mas que mantinham a transparência acima do busto, e fui pra minha reunião com a Carol.

Ela topou. Me sugeriu um laço lindo na parte de trás indo até a barra da saia, me mostrou várias opções de tecidos, montou tudo em mim,com direito ao pont d´sprit (que ela já tinha no Atelier!) , e voilá! Nascia o MEU vestido.

Do jeito que eu queria, mas lapidado pela Carol Nasser.

Começou assim:

E o resultado foi:

Previous Older Entries Next Newer Entries

%d bloggers like this: